Quinta-feira, 13 de Janeiro de 2011

Mais sobre o falecimento do cronista português Carlos Catro, anedotas de mau gosto sobre Carlos Castro, desenvolvimentos da acusação de Renato Seabra e comentários homofóbicos sobre Carlos Castro!!!

Sobre o falecimento macabro de Carlos Castro recentemente já surgem algumas piadas na minha opinião de muito mau gosto, as opiniões dividem-se e pelo que tenho acompanhado na comunicação social e nas revistas cor-de-rosa a descriminação é muita, tudo pela orientação sexual do cronista português. Carlos Catro aos olhos de alguns é visto como um homosexual e como tal deve ser julgado, também dreivado ao seu relacionamente com Renato Seabra com uma diferença de idade de 44 anos. Carlos Castro de 65 anos segundo se notícia em muitas fontes teria um relacionamento que ia além da amizade ou de qualquer cumplicidade de ajuda de Carlos Castro para com Renato de 21 anos de idade. O interesse é visualmente financeiro, sempre foi financeiro. Carlos Castro segundo ouvi em entrevistas de chegados a Carlos Castro este sempre procurou alguém que estive-se do seu lado que lhe de-se sexo mas também amor, sentia-se carente e sozinho, ao ponto de já ter pensado no suicidio. Lili Caneças hoje em confições ao Porto Canal revelou a sua revolta pela morte macabra do amigo Carlos Castro, descreve o cronista como uma excelente pessoa e amigo, este ajudou Lili entre outras figuras da "socialite" a serem conhecidas. Carlos Castro era visto como um homem solidário e amigo mas também ciumento e impulsivo, dizia sempre tudo o que pensava e quando tinha que ciriticar era duro nos comentários que fazia, também este era criticado por muitos e a sua orientação sexual era tema de destaque em comentários homofóbicos ao cronista.

Carlos Castro sofreu uma morte violenta, apesar da sua idade mostrava-se apaixonado e já tinha assumido publicamente ter um namorado, Renato não se considera gay mas os seus comportamentos com o cronista revelam o contrário, este anda a sofrer actualmente de perturbações psicológicas, o que levou ao internamento do modelo, criticado por muitos e apoiado por outros mas nada justifica o seu comportamento ao ponto da tortura que Carlos Castro foi submetido foi tanta de um sadomasoquismo termendo ao ponto de Renato deixar o cronista desfigurado, sem olhos e com mutilações horríveis, com o uso de um saca-rolhas nas partes genitais de Carlos Castro, o uso de um objectos atirados contra o cronista que levou a todo este aparato violento e deixou o cronista irreconhecivel. Renato Seabra deve ser condenado com prisão perpétua na América, esta é a minha opinião, porque se este for julgado em Portugal já se sabe que terá uma pena reduzida devido à porcaria de lei que existe em Portugal...

 

Este tipo de graças mas sem piada nenhuma e com um mau gosto enorme deveriam acabar...

 

O Castro, o Renato e o saca-rolhas – Uma história de impostos sobre o trabalho

O Castro, o empresário, gere uma empresa produtora de saca-rolhas. O Renato é o seu único trabalhador e produz 1 saca-rolhas por mês. O preço de mercado de um saca-rolhas é 100 Ecus. O renato não aceita trabalhar por menos de 20 Ecus por mês (o valor do rendimento mínimo que receberia se não trabalhasse). Nestas condições, o salário do Renato será então qualquer valor entre 20 e 100 Ecus, dependendo das condições do mercado laboral. O lucro do Castro corresponderá à diferença entre o salário do Renato e o preço de mercado do saca-rolhas.

Consideremos então dois cenários extremos:
Cenário A: A oferta de trabalhadores para produção de saca-rolhas é imensa devido à crise. Neste caso, O Castro consegue pagar o mínimo possível ao Renato, 20, obtendo um lucro de 80.
Cenário B: O Renato é o único trabalhador no mercado com as qualidades necessárias para produzir saca-rolhas e todos os empresários da indústria o gostariam de ter. Neste caso, o Renato conseguirá um salário de 100 Ecus e o Castro ficará com lucro 0.

Até aqui, é economia básica. Agora, o que acontece quando o governo de Rainbowland, onde a empresa está sediada, decide introduzir um imposto sobre o trabalho de 10 Ecus? Quem o vai pagar?

No cenário A, o Renato já está a receber o mínimo que aceitaria receber. Se o seu salário líquido baixar para menos de 20 Ecus, deixará de valer a pena trabalhar. O Castro terá que continuar a pagar 20 ao Renato, e absorver o impacto do imposto.

No cenário B, o lucro do Castro é já 0. Todo o imposto será retirado ao salário do Renato.

Conclusão: o imposto sobre o trabalho não recai necessariamente sobre o trabalhador ou sobre a empresa. Irá sempre recair sobre quem, em determinado momento, absorve o valor acrescentado da produção.

 

 

http://1.bp.blogspot.com/_jt0aZ9KQ2eg/TSh-CaP9uUI/AAAAAAAANcY/D-rN4LCo3ww/s1600/alg_carlos_castro_renato_seabra.jpg

 

Carlos Castro: Renato Seabra é "apenas um suspeito" -- advogada

http://imgs.sapo.pt/gfx/515466.gif


<input ... > <input ... >

Cantanhede, Coimbra, 13 jan (Lusa) -- A advogada da família de Renato Seabra, apontado como alegado autor do homicídio do cronista social Carlos Castro, sublinhou hoje que o jovem "é apenas um suspeito".

"Lamentamos o sucedido, mas não sabemos quem o fez. [Renato Seabra] É apenas um suspeito", disse Paula Fernandes aos jornalistas, à saída da igreja matriz de Cantanhede, frisando que a família do jovem modelo apenas conhece "a versão da comunicação social".

De acordo com Paula Fernandes, "interessa conhecer os factos", mas "ninguém sabe em que situação é que ocorreu [o crime que resultou na morte de Carlos Castro]".

Este texto da agência Lusa foi escrito ao abrigo do novo Acordo Ortográfico.

 

 

Missa de apoio a Renato Seabra em Cantanhede


<input ... >

Missa de apoio a Renato Seabra em Cantanhede

Realizou-se ao final da tarde desta quinta-feira uma missão de apoio ao jovem suspeito do homicídio do cronista social.

De acordo com a TVI, "muita gente" compareceu nesta iniciativa convocada através de uma página do Facebook. familiares, amigos, conhecidos ou pouplação em geral compareceram na missa, que se realizou na igreja de Cantanhede.

A seguir, foi formado um cordão humano até aos bombeiros locais.

Formas de manifestar apoio e solidariedade a Renato Seabra e sua família. O jovem modelo está acusado de homicídio em segundo grau, depois de ter confessado o homicídio de Carlos Castro, na sexta-feira, num quarto de hotel em Nova Iorque.

As cerimónias fúnebres realizam-se este sábado, com uma missa na igreja de Nossa Senhora de Fátima, em Newark. Parte das cinzas será depositada no cemitério de Trinity, em Nova Iorque, e outra parte virá para Portugal, onde, na próxima semana, se realizará uma outra cerimónia para os familiares e amigos que não estiveram os Estados Unidos.

 

 

Cinzas de Carlos Castro depositadas num mausoléu em Manhattan

 

http://aeiou.expresso.pt/imv/0/420/918/carlos-castro-71e7.jpg

Funerária que trata da cremação do corpo de Carlos Castro revelou ao Expresso o local exacto onde as cinzas do ex-cronista serão depositadas. (Vídeos SIC no final do texto) Clique para visitar o dossiê Homicídio de Carlos Castro

 

As cinzas de Carlos Castro, o cronista português assassinado, há cerca de uma semana, em Nova Iorque, serão depositadas no cemitério de Trinity, perto do rio Hudson, em Manhattan, Nova Iorque.

Clique para aceder ao índice do dossiê Homicídio de Carlos Castro

O local foi revelado ao Expresso por António Teixeira, funcionário da funerária "Buyus Funeral Home". "A hora para a cerimónia não está definida, mas penso que será às 10h de sábado", disse António Teixeira ao Expresso.

Nem todas as cinzas serão depositadas no cemitério de Trinity. "Parte voltará para Portugal, de acordo com o desejo da família", afirmou o funcionário da funerária.

Nesse mesmo dia, às 15h, realiza-se uma outra cerimónia religiosa na Igreja de Nossa Senhora de Fátima, em Newark, Nova Jérsia.



Carlos Castro "estava completamente desfigurado"

http://primeirapagina.info/wp-content/uploads/2011/01/carlos-castro.jpg


<input ... >

O relato é feito por um amigo que acompanhou as duas irmãs do cronista social aos Estados Unidos para reconhecerem o corpo.

"Foi horrível ver como ele ficou. Estava completamente desfigurado", contou ao jornal "Correio da Manhã" o amigo do cronista, Cláudio Montez, acrescentando que as irmãs de Carlos Castro só o conseguiram reconhecer "pelo cabelo e formato do rosto".

Cláudio Montez adiantou ainda que Carlos Castro "perdeu os dois olhos, não foi só um" e que as irmãs, Amélia e Fernanda, "entraram em choque".

 

 

Morte de Carlos Castro deve servir para mostrar aos jovens os "alçapões" da fama

<input ... >http://4.bp.blogspot.com/_IsFSVv0gOkQ/TShJ7X_gMrI/AAAAAAAADu0/rXIybluPl3g/s1600/renato%2Bseabra.jpg

O psiquiatra Afonso Albuquerque disse hoje esperar que a morte do cronista Carlos Castro sirva para alguns jovens, "dispostos a tudo para subirem nos meios de grande visibilidade social", perceberem que "esta sub-cultura tem alçapões".

"Espero que [o caso] alerte alguns jovens que este tipo de carreira, este meio sócio cultural, tem alçapões", disse à Lusa o antigo director do Serviço de Psicoterapia Comportamental do Hospital Júlio de Matos.

Para Afonso Albuquerque, este caso mostra "o que pode acontecer numa sociedade que crescentemente tem vindo, em alguns dos seus meios, a valorizar muito a beleza, o aspecto físico".

O especialista refere-se, nomeadamente, aos concursos televisivos que "são dirigidos essencialmente a jovens inexperientes que se sentem seduzidos pelos 15 minutos de glória".

"Se por um lado estes concursos têm coisas positivas para quem quer uma carreira na moda, também têm a face negativa de imbuir os jovens desta mentalidade e torná-los dependentes, escravizados mesmo, por este tipo de cultura", disse.

"Beleza, dinheiro, fama, tudo isto parece muito fácil. Basta ter bons genes, ser bonito, fazer ginástica. E não faltam jovens ansiosos por entrarem neste tipo de carreira", acrescentou o especialista.

 

 

TVI mostra Carlos Castro em 'Depois da Vida'

Cronista social gravou programa antes de partir para Nova Iorque

 

A TVI vai apresentar na sexta-feira, às 00h00, a primeira emissão da segunda temporada do programa 'Depois da Vida' em que Carlos Castro aparece a falar com a médium britânica Anne Germain, que o coloca a falar com a sua mãe, falecida há poucos anos.

 

Gravado antes de o cronista social ser brutalmente assassinado num quarto do Hotel Intercontinental, em Nova Iorque, o programa da TVI mostra-o a ter uma 'conversa' emocionada com a mulher que o deu à luz em Moçâmedes (Angola) há 65 anos.

 

 

Multiplicam-se opiniões na Internet a propósito do homicídio de Carlos Castro

 

http://sic.sapo.pt/NR/rdonlyres/3A07A2E9-D528-4174-AD28-4E8938278FEA/943278/af72472a338140c0a1c2495ee901456d.jpg

Na Internet multiplicam-se os artigos e os comentários sobre o crime. Uma parte da opinião publicada até desculpabiliza o crime por ter sido cometido contra um homossexual. No Facebook foi mesmo criado um grupo de apoio a Renato Seabra que incita ao ódio contra os gays.

 

São os artigos mais lidos e mais comentados nos jornais portugueses na Internet, por estes dias.

Dos jornais de referência, aos chamados "tablóides", em todos eles, a informação que gravita à volta do homicídio de Carlos Castro está no topo. As opiniões dos leitores multiplicam-se, tal como os comentários em blogues e no facebook.

Opiniões homofóbicas desculpabilizam crime

Miguel Vale de Almeida, antropólogo e ex-deputado pelo Partido Socialista, professor de Antopologia no ISCTE, há muito que estuda o fenómeno da discriminação devido à orientação sexual. 

"Nós fazemos peças legislativas mas a mudança das mentalidades é mais lenta do que isso", considera.

Crime de discriminação e de incitação ao ódio

Alguma da opinião publicada pode configurar crime de discriminação e incitação ao ódio. Um exemplo disso é um grupo no Facebook, entretanto cancelado, de apoio a Renato Seabra que advogava que matar gays não devia ser crime.

Além das questões penais que se levantam com a publicação de conteúdos que incitam à discriminação sexual, o manancial de opinião publicada sobre este caso levanta outras questões, nomeadamente sobre o controlo que os jornais deveriam fazer em relação a comentários claramente discriminatórios.

 

Maya revela SMS de Renato para Carlos Castro

http://www.barlavento.pt/upload/multimedia/1215521798.jpg


<input ... >

A empresária revela ao "i" que viu mensagens enviadas pelo modelo ao cronista social que revelavam alguma intimidade.

A taróloga e empresária Maya, grande amiga de Carlos Castro, revelou em declarações ao jornal "i" ter lido várias mensagens de telemóvel enviadas por Renato a Carlos Castro.

"Extremamente afectuosas e que incluíam palavras como 'amor' ou 'querido'", referiu, acrescentando que o cronista social lhe tinha inclusivamente perguntado pela compatibilidade astrológica com Renato e que tinha ficado de fazer uma carta astral.

 

 

OS COMENTÁRIOS...

 

http://www.marcelogoes.com/wp-content/uploads/2010/07/Deixe-seu-comentario.jpg
Edmund said...

Não. Não os maricas do costume. Nós aqui gostamos de manter estas coisas herméticas, por causa do herpes.

 

Anonymous said...

OS COBARDES PANILAS DO COSTUME ATACAM ASSIM PELA CALADA...
PASSEI POR AQUI. INDIGNADA. E QUE TEM O CC COM JEITOS AMARICADOS? VIRAM-NO NAS VERGONHAS DA COCA, DA PROSTITUIÇÃO, NOS BAFONS, DO QUE É E NADA É? TENHO NOJO DE VOCES SEUS BLOGUISTAS DA MERDA!

Anonymous said...

deixem o carlos castro em paz por favor!... afinal, é uma senhora de idade...

 

macholatino said...

ó CArlos Castro, tu és um ganda paneleiro não és?

 

Anonymous said...

Humanidade diz-me :
-Como posso fazer com que evoluas mais rápido? Se eu pudesse......
Quando entenderás Humanidade que só as atitudes de amor e perdão são benéficas para ti?
Porque é que por todo o mundo, os comentários dos homens em relação aos Carlos Castros e Renatos Seabras da vida são degradantes? Como ajudar estas consciências que apenas espelham com os seus comentários o nível de evolução consciencial que as caracteriza e que é tão primário?

Muita luz para ti Humanidade


Anonymous said...

Tarefa de esclarecimento: Carlos Castro e não Castros e Renatos Seabra e não Seabras.
Também se deve esclarecer a Humanidade sobre as falhas no português... e por isso é que me corrigo.



Edmund said...

Ah, bom! Ainda bem que a Humanidade fica esclarecida.

Já agora, conta à Humanidade quem era o Carlos Castro, que agora não me apetece e tenho ali um gelado ao lume.

publicado por Rickymcdread às 23:03
link do post | comentar | favorito
|
 

.Janeiro 2016

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2

3
4
5
6
7
8
9

10
11
13
14
15
16

17
18
19
20
21
22
23

24
25
26
27
28
29
30

31


. Encomendas de postais per...

. A emoção do Euro 2012, re...

. ROCK IN RIO - LISBOA - 20...

. A TUA CARA NÃO ME É ESTRA...

. A morte da cantora Whitne...

. Grande final de "Secret S...

. Novidades "Casa dos Segre...

. A expulsão de Susana da "...

. Novidades da "Casa dos Se...

. Concerto de Britney Spear...

. Janeiro 2016

. Julho 2012

. Maio 2012

. Fevereiro 2012

. Janeiro 2012

. Dezembro 2011

. Novembro 2011

. Outubro 2011

. Setembro 2011

. Agosto 2011

. Junho 2011

. Maio 2011

. Abril 2011

. Março 2011

. Janeiro 2011

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Outubro 2010

. Setembro 2010

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008



Copyright Info / Info Adicional

 x - rap das armas
online