Sábado, 29 de Novembro de 2008

Almada!!!

People hoje vou postar sobre Almada e o metro sul do tejo com novo trajecto ate cacilhas:

 

INAUGURAÇÃO DO METRO SUL DO TEJO

 
O Ministro das Obras Públicas, Transportes e Comunicações, Mário Lino, deixou hoje, em Cacilhas, durante a cerimónia de inauguração da terceira e última etapa da primeira fase do Metro Sul do Tejo (MST), o compromisso de estender o projecto ao Fogueteiro, ao Barreiro e ao Lavradio.

“O Governo não vai parar o desenvolvimento do MST. O projecto teve uma primeira fase e agora não se vai parar. Já estamos a estudar a segunda fase, para estender o metro ao Fogueteiro (segunda fase), para estender ao Barreiro, terceira fase, e ainda vamos prolongar até ao Lavradio com a rede de Alta Velocidade que atravessa a ponte sobre o Tejo. Mas vamos começar a estudar com profundidade aquilo que tem a ver com a oportunidade, o interesse e a análise económica e financeira do prolongamento até à Costa de Caparica. É outra aspiração que não está sequer no contrato de concessão, mas queremos que este projecto se mantenha em desenvolvimento”, afirmou Mário Lino esta manhã.

 


O Metro Sul do Tejo implicou um investimento de cerca de 400 milhões de euros, 74 dos quais subsidiados por fundos comunitários, cerca de 270 pelo Orçamento de Estado e 55 pela empresa concessionária, Metro Transportes do Sul. “Acho que foram 400 milhões de euros bem empregues, em que o custo envolvido neste projecto é claramente inferior aos benefícios que dele podemos retirar. E esta é uma das principais razões que nos devem levar a tomar decisões políticas sobre projectos de investimentos. É saber se os benefícios que trazem para o País, para as populações, para as actividades económicas, para a atracção de investimento, para a criação de emprego, para aumentar a mobilidade, para a qualidade de vida e para o ambiente são maiores que os custos. E este é seguramente um desses projectos. Por isso estou muito satisfeito por estar aqui”, disse o Ministro.

 


Com a conclusão da primeira fase do projecto, o MST tem agora três linhas: Corroios-Cacilhas, Cacilhas-Universidade e Corroios-Pragal, num total de 17 paragens: Cacilhas, 25 de Abril, Gil Vicente, S. João Baptista, Almada, Bento Gonçalves, Ramalha, Cova da Piedade, Parque da Paz, António Gedeão, Laranjeiro, Santo Amaro, Pragal, Boa Esperança, Fomega, Monte de Caparica e Universidade.

 


O traçado das três linhas permitirá a integração do metropolitano na rede de transportes existentes, possibilitando as ligações com os transportes públicos rodoviários (TST), transporte público fluvial (Transtejo) e comboios (Fertagus).

 


Recorde-se que a primeira fase do projecto foi desenvolvida em três etapas: a primeira (entre Corroios e a Cova da Piedade) inaugurada a 30 de Abril de 2007, a segunda (Cova da Piedade-Pragal-Universidade) a 15 de Dezembro de 2007, e a terceira, que entrou hoje em funcionamento.

 


A cerimónia de inauguração da extensão do MST até Cacilhas contou com a presença da Secretária de Estado dos Transportes, Ana Paula Vitorino, e da Governadora Civil do Distrito de Setúbal, Eurídice Pereira.

 

 

Falta referir que inaugura com cerca de 3 anos de atraso, com vários milhões de euros a mais nos custos e muita polémica envolvida.

Realmente toda a zona principal de Almada, por onde o metro vai passar, ficou mais limpa, menos poluída, mais aprazível e moderna, mas as ruas envolventes não sofreram melhoramentos e recebem agora todo o transito que outrora passava na avenida principal, ficando quase caótica, barulhenta e mais poluída.

 

Mais seis paragens que as treze já existentes
Metro a Sul do Tejo passa a funcionar até Cacilhas amanhã 
 
 
 
O último troço do Metro Sul Tejo (MST) previsto na primeira fase do projecto é inaugurado amanhã numa cerimónia oficial que irá contar com a presença do ministro das Obras Públicas, Mário Lino. Passados 19 meses sobre a inauguração da primeira linha do MST, em Abril de 2007, entre Corroios e a Cova da Piedade, o metro estender-se-á agora até Cacilhas, acrescentando seis paragens às treze já existentes.

“Esta é a rede de Metro Sul Tejo na sua plenitude, antes tínhamos apenas um misto de duas linhas que não correspondiam à rede”, afirmou ao PÚBLICO José Luís Brandão, o presidente da empresa Metro Transportes do Sul, a empresa responsável pelo MST. Segundo o responsável, esta é a “etapa principal do projecto” sendo a partir de hoje que se poderá “avaliar se o Metro Sul Tejo é ou não um projecto com sucesso”.

O troço irá partir da Cova da Piedade e passará pelas estações Bento Gonçalves, Almada, S. João Baptista, Gil Vicente, 25 de Abril e Cacilhas, uma obra que respeita o prazo anunciado aquando a inauguração do MST, que dava conta da conclusão da primeira fase até ao final de 2008, porém três anos depois do prazo inicialmente previsto, o que ditou uma derrapagem orçamental de 70 milhões de euros face à estimativa inicial de 320 milhões, comparticipados pelo Estado e 70 milhões de euros.

No total, o MST irá dispor de três linhas numa extensão de 13,6 quilómetros, prevendo interfaces de transportes públicos, como o terminal rodo-fluvial de Cacilhas ou mesmo a rede Fertagus e Transportes Sul Tejo nas estações de Corroios e Pragal.

Calcula-se que após a inauguração do novo troço o número de utentes do transporte venha aumentar substancialmente à semelhança do ocorrido aquando da entrada em funcionamento da segunda etapa da primeira fase do projecto, o troço entre Cova da Piedade e a Universidade do Monte da Caparica.

Os veículos circularão entre as 05h00 e as 02h00 da manhã, com intervalos de passagem nas horas de ponta de cinco em cinco minutos e mantém-se também o valor do bilhete simples de 0,85 cêntimos e o passe de 16,75 euros, que na altura de abertura do primeiro troço motivou queixas por parte dos utentes por a concessionária, Metro Transportes do Sul, ter optado por manter o preço dos bilhetes igual ao custo que tem um acesso quando todas as linhas estão prontas.

A segunda e terceira fases do projecto de um metro a sul do Tejo prevêem a chegada ao Fogueteiro e Barreiro. O presidente da Câmara do Barreiro, Carlos Humberto, defendeu em Maio deste ano que o MST chegue à cidade em 2013, juntando-se à terceira travessia do Tejo.

 

 

 

 

 

Data
Até 21 de Dezembro
Horário
Consultar programação
Local / Locais
Teatro Municipal de Almada


A Flauta Mágica - Teatro para Crianças Novembro 2008

O Teatro Muncipal de Almada recebe, até dia 21 de Dezembro, uma programação especialmente destinada aos mais pequenos, onde serão apresentados dois espectáculos cheios de criatividade e música.
 
O Fantasma das Melancias, em exibição até dia 7 de Dezembro, é um momento colorido e interactivo onde são contadas três histórias que apelam à participação das crianças. Por sua vez, A Flauta Mágica, em exibição  de 3 a 21 de Dezembro, é um espectáculo de ópera adaptado ao universo infantil, baseado na obra prima de Wolfgang Amadeus Mozart.

Ambos os espectáculos são produções da Companhia de Teatro de Almada com encenação de Teresa Gafeira.

Programa
O Fantasma das Melancias                                                                                                                             
Sala de Ensaios
Terça a Domingo - Até 7 Dezembro

Aos dias úteis são apresentadas duas sessões às 10h30 e 14h30. Aos sábados a sessão tem início às 16h. Aos domingos às 11h.

A Flauta Mágica
Sala Experimental
Terça a Domingo - De 3 a 21 de Dezembro

Aos dias úteis  a sessão começa às 14h30. Aos sábados a sessão tem início às 16h. Aos domingos às 11h.

O fantasma das Melancias - Teatro para crianças Novembro 2008

 

 

 
Organização
Companhia de Teatro de Almada
 
Condições de Participação
Bilheteira: € 6
 
Observações
Companhia de Teatro de Almada
Teatro Municipal de Almada
Av. Prof. Egas Moniz

 

Brasão de Almada Bandeira de Almada
Brasão Bandeira

A estátua de Cristo Rei e a Cruz Alta'
Localização de Almada
Gentílico Almadense
Área 69,98 km²
População 166 013 [1] hab. (2006)
Densidade populacional 2 372,29 hab./km²
N.º de freguesias 11
Fundação do município
(ou foral)
1190 (D. Sancho I)
Região Lisboa
Sub-região Península de Setúbal
Distrito Setúbal
Antiga província Estremadura
Orago São João Baptista
Feriado municipal 24 de Junho
Código postal 28__-___ Almada
   
   
   
Municípios de Portugal

Almada é uma cidade portuguesa pertencente ao Distrito de Setúbal, região de Lisboa e subregião da Península de Setúbal, sendo actualmente a sexta das cidade mais populosas em Portugal, com cerca de 101 500 habitantes.[2]. Almada é sede de um pequeno mas densamente povoado município com 69,98 km² de área e 166 013 habitantes (2006) [1], subdividido em onze freguesias. Algumas das freguesias que fazem parte da cidade de Almada são o Feijó, Cacilhas, Cova da Piedade, Almada, Laranjeiro e Pragal, que constituem uma área urbana de 13.74km². O município é limitado a leste pelo município do Seixal e a sul por Sesimbra, e possui uma longa costa a oeste para o Oceano Atlântico, e a norte e nordeste abre-se para o Estuário do Tejo, frente aos municípios de Lisboa e Oeiras. O rio Tejo, o maior da Península Ibérica desagua entre Almada e Oeiras.

O concelho recebeu foral de Dom Sancho I em 1190. Almada foi elevada à categoria de cidade em 1973. Outra localidade do município de Almada com estatuto de cidade é a Costa da Caparica, esta elevada a cidade em 2004.

 

História

A designação de Almada é proveniente das palavras árabes Al-Madan, a "mina", pelo motivo de que, aquando do domínio árabe da Península Ibérica, os árabes procediam à exploração do jazigo de ouro da Adiça, no termo do Concelho. A zona de Almada foi igualmente escolhida pelos árabes para a construção de uma fortaleza no promontório natural, sendo esta destinada à defesa e vigilância da entrada no rio Tejo, em frente de Lisboa, desenvolvendo-se a povoação nos domínios da defesa militar, da agricultura e da pesca.

Almada, uma das principais praças militares árabes a sul do Tejo, foi conquistada pelas forças cristãs de D. Afonso Henriques em 1147, ficando posteriormente na posse dos Cavaleiros de Santiago, por carta assinada por D. Sancho I, em 26 de Outubro de 1186. Em 1190, D. Sancho I outorgou o primeiro foral aos moradores de Almada. No entanto, em 1191 ocorre uma nova invasão árabe sob o comando de Yusuf al-Mansur, com origem em Sevilha. Esta invasão adquire lentamente uma expressão significativa, alcançando e tomando Alcácer do Sal, marchando sobre Palmela e Almada, sendo esta abandonada pelos cavaleiros da Ordem Militar de Almada. A povoação ficou grandemente destruída pela acção das forças árabes.

O povoamento de Almada é realizado de forma lenta mas contínua, reconstituindo-se parcialmente o modo de vida praticado anteriormente. No início do século XIII, a sociedade vive um período de organização e estabilização segundo os direitos e deveres consignados no código foraleiro, complementados pelos antigos usos e costumes do direito consuetudinário.

Local de falecimento de Fernão Mendes Pinto, escritor português, autor da Peregrinação, em 1583. é também o reitor do Santuário actualmente o Senhor Padre Sezinando Alberto

População
Ano 1801 1849 1900 1930 1960 1981 1991 2001 2004
Pop. 3 363 6 440 15 764 23 694 70 968 147 690 151 783 160 825 165 363

As onze freguesias do Concelho de Almada são as seguintes:

  • Almada
  • Cacilhas
  • Caparica
  • Charneca de Caparica
  • Costa de Caparica
  • Cova da Piedade
  • Feijó
  • Laranjeiro
  • Pragal
  • Sobreda
  • Trafaria

 

fotos

 
Panorâmica de Almada, de sudeste para sudoeste, partindo do Cristo Rei
 
Nova Almada

 

Personalidades

Almada é o lugar de nascimento de:

  • Anabela
  • Luís Figo
  • Telma Monteiro

 

Almada de dia:

 

 

Almada a noite:

 

 

publicado por Rickymcdread às 00:40
link do post | comentar | favorito
|
 

.Janeiro 2016

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2

3
4
5
6
7
8
9

10
11
13
14
15
16

17
18
19
20
21
22
23

24
25
26
27
28
29
30

31


. Encomendas de postais per...

. A emoção do Euro 2012, re...

. ROCK IN RIO - LISBOA - 20...

. A TUA CARA NÃO ME É ESTRA...

. A morte da cantora Whitne...

. Grande final de "Secret S...

. Novidades "Casa dos Segre...

. A expulsão de Susana da "...

. Novidades da "Casa dos Se...

. Concerto de Britney Spear...

. Janeiro 2016

. Julho 2012

. Maio 2012

. Fevereiro 2012

. Janeiro 2012

. Dezembro 2011

. Novembro 2011

. Outubro 2011

. Setembro 2011

. Agosto 2011

. Junho 2011

. Maio 2011

. Abril 2011

. Março 2011

. Janeiro 2011

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Outubro 2010

. Setembro 2010

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008



Copyright Info / Info Adicional

 x - rap das armas
online