Terça-feira, 20 de Janeiro de 2009

Barack Obama (novo presidente dos EUA)!!!

Pessoal eu não sou muito dado a politica mas hoje como foi um dia importante não só para a América mas para todo o mundo aqui vos deixo a noticia:

 

Barack Obama é Presidente dos EUA

 

 

 

 

Pontos chave do discurso de tomada de posse de Barack Obama. Mas foi a esperança, mais uma vez, o mote dominante nas palavras do 44º Presidente dos Estados Unidos da América. Obama quer voltar a pôr os EUA a liderar o mundo sem vergonha do que fizeram no passado.


No discurso de tomada de posse, Obama focou os pontos essenciais da sua campanha e apontou todos os problemas a ultrapassar: « A nossa nação está em guerra (...), a nossa economia enfraquecida (...) empregos perdidos (...) a forma como utilizamos a nossa energia dá força aos nossos adversários».

Depois de apontadas as adversidades, Obama voltou a utilizar o mote de esperança: «Continuamos a ser a nação mais poderosa e mais próspera da terra».

Obama garante que ele e os EUA vão, juntos, conseguir resolver os desafios, salientando que ao escolhê-lo como Presidente os americamos optaram «pela esperança em vez do medo». O presidente assumiu a liderança do país enfrentando «desafios que são reais» e que «não serão vencidos no curto prazo (...) mas serão vencidos».

Numa cerimónia que chegou a estar em risco devido a uma ameça de atentado, Obama falou de questões de defesa nacional e rejeitou como falsa a escolha entre segurança dos EUA e os seus ideais. «Todos os outros povos do mundo, desde o país mais grandioso até à aldeia onde o meu pai nasceu, têm que saber que os EUA são amigos e que estamos prontos a liderar mais uma vez».

Obama apelou ao retorno a verdades como a «honestidade, a lealdade, o patriotismo, o trabalho árduo», valores que para o Presidente dos EUA são antigos, verdadeiros e necessários numa era de novas responsabilidade. «Lealdade e patriotismo tem sido a base do progresso da nossa história», afirmou.

 

O 44º presidente dos Estados Unidos disse hoje ao mundo que a América está de novo «pronta a dirigir» e propôs ao mundo muçulmano «uma nova aproximação, fundada nos interesses e respeito mútuos». Barack Obama, 47 anos, anunciou também que os Estados Unidos vão «deixar o Iraque ao seu povo de forma responsável e forjar uma paz duramente conquistada no Afeganistão».


Barack Obama prestou juramento no Capitólio, em Washington, perante dois milhões de pessoas e tornou-se o 44º Presidente dos EUA. O primeiro presidente negro norte-americano jurou sobre a mesma Bíblia que Abraham Lincoln utilizou em 1861 quando assumiu a presidência após a guerra da Secessão.

Na altura o novo líder dos EUA firmou: «Eu, Barack Hussein Obama, juro solenemente cumprir fielmente as funções de Presidente dos Estados Unidos e, com todos os meios ao meu alcance, salvaguardar, proteger e defender a Constituição dos Estados Unidos».

Antes, tinha sido a vez de Joe Biden assumir o cargo de vice-presidente.

 


 

Imagem de Barack Obama

 

 

 

O casal Bush já fez a mudança. Entre mobiliário e objectos pessoais foi precisa muita ajuda.

E quem quer despedir-se do presidente americano nos últimos oito anos, pode utilizar a internet em vários sites disponiveis!!!

Biografia de Barack Obama:

 

 

Divulgação

Barack Obama elegeu-se presidente dos Estados Unidos em novembro de 2008

Filho do queniano Barack Obama, e da norte-americana Ann Dunham, Barack Hussein Obama Jr. passou parte da infância no Havaí e na Indonésia, para onde sua mãe se mudou depois de divorciar-se do pai e se casar novamente. Aos dez anos, porém, o menino retornou ao Havaí, onde viveu sob os cuidados dos avós maternos.

Adolescente, mudou-se para Nova York onde cursou ciências políticas na Universidade Colúmbia. A seguir, graduou-se também em direito pela Universidade de Harvard. Iniciou sua carreira política na cidade de Chicago,
Illinois, onde foi líder comunitário e professor de direito constitucional. Casou-se em 1992 com Michelle e tem duas filhas, Malia e Sasha.

Em 1996, foi eleito para o Senado de Illinois (órgão do poder Legislativo local), onde permaneceu até 2004. Em 2000, tentou sem sucesso eleger-se para a House of Representatives, que equivale à
Câmara dos Deputados do Congresso norte-americano. Quatro anos mais tarde, foi eleito para o Senado dos Estados Unidos, pelo Partido Democrata, assumindo seu mandato em 4 de janeiro de 2005.

No Senado, Obama integrou diversas comissões e obteve destaque por sua atuação, o que lhe permitiu postular a candidatura à Presidência da República, em fevereiro de 2007. Em campanha, sua plataforma se compõe de três elementos essenciais: o fim da guerra do
Iraque, a obtenção da auto-suficiência energética dos Estados Unidos e a universalização dos serviços de saúde no país.

Para tornar-se o candidato oficial dos democratas, contudo, Barack Obama precisou vencer a outra postulante do Partido, a senadora
Hillary Clinton, numa disputa acirrada, que quase provocou estragos aos próprios democratas na corrida presidencial.

Em julho de 2008, a campanha de Obama ganhou cenário internacional: o candidato foi ao
Afeganistão, ao Iraque, Jordânia e Israel, bem como à Inglaterra, França e Alemanha. Na capital deste último país, Berlim, Obama reuniu cerca de 200 mil pessoas para ouvi-lo.

A partir das evidências de que a economia norte-americana entrava numa
crise de proporções ainda não dimensionadas, o que desgastou definitivamente o presidente George W. Bush e o Partido Republicano, Obama começou a se impor sobre o adversário John McCain nas pesquisas de opinião pública.

Em novembro, Obama venceu o concorrente e foi eleito o 44o presidente dos Estados Unidos, sendo aclamado como o primeiro negro a governar o país. Mas o próprio Obama deixa claro que essa questão racial é secundária. Em suas palavras: "Não há uma América negra e uma América branca e uma América latina e uma América asiática. Há os Estados Unidos da América".

Para seus simpatizantes, Obama é um político único e estimulante como o presidente
John F. Kennedy e não há dúvida de que exibe um carisma semelhante ao de Kennedy. Por outro lado, seus adversários o acusam de ser nada mais que um orador eloqüente, de idéias ingênuas e políticas econômicas que tendem ao socialismo.

Também se fala da inexperiência de Obama, particularmente nas questões internacionais mais tensas, como o papel dos Estados Unidos no Iraque. Para compensar essa situação, foi escolhido como vice-presidente Joe Biden, senador por Delaware, um dos políticos há mais tempo em atividade no Congresso norte-americano, com seis mandatos no Senado.
publicado por Rickymcdread às 21:23
link do post | comentar | favorito
|
 

.Janeiro 2016

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2

3
4
5
6
7
8
9

10
11
13
14
15
16

17
18
19
20
21
22
23

24
25
26
27
28
29
30

31


. Encomendas de postais per...

. A emoção do Euro 2012, re...

. ROCK IN RIO - LISBOA - 20...

. A TUA CARA NÃO ME É ESTRA...

. A morte da cantora Whitne...

. Grande final de "Secret S...

. Novidades "Casa dos Segre...

. A expulsão de Susana da "...

. Novidades da "Casa dos Se...

. Concerto de Britney Spear...

. Janeiro 2016

. Julho 2012

. Maio 2012

. Fevereiro 2012

. Janeiro 2012

. Dezembro 2011

. Novembro 2011

. Outubro 2011

. Setembro 2011

. Agosto 2011

. Junho 2011

. Maio 2011

. Abril 2011

. Março 2011

. Janeiro 2011

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Outubro 2010

. Setembro 2010

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008



Copyright Info / Info Adicional

 x - rap das armas
online